Portugal pioneiro no ensino à distância
Saturday, March 28, 2020.

Quem nasceu nos anos 50/60 conheceu bem a Tele-Escola produzido pela RTP e que mais tarde se viria a transformar no Canal 2 da Estação Pública.

Quer isto dizer que sessenta anos atrás, Portugal, país pobre, não tinha condições para financiar o acesso de todas as crianças à escola. Muitas crianças, tinham que andar vários kilometros e muitas outras desde as décadas anteriores simplesmente não frequentavam qualquer escola. Por essa razão, os índices de alfabetização eram reduzidos.

Veja aqui algumas histórias

As famílias eram mais numerosas mas os filhos eram muitas vezes aproveitados como mão de obra sobretudo na agricultura. Muito antes da revolução dos cravos de 1974, Portugal tinha já uma ferramenta que levava o professor a diversas instalações e até mesmo a casa (para quem tinha o privilégio de ter televisão).

Saídas semanais para Portugal

Muitos portugueses hoje na faixa etária dos 50/60 anos de idade conheceram bem a Tele-Escola que era fornecida pela televisão a preto e branco ainda muito longe do acesso à internet.

A recente pandemia que se alastra um pouco por todo o Mundo veio trazer de novo a ideia do Ensino à distância e Portugal recorda a sua experiência de quando um Professor dava aulas a milhares de alunos espalhados um pouco por todo o País.

Após as aulas, um quadro de assistentes tirava dúvidas aos alunos enquanto efectuava alguns testes para verificar o aproveitamento da aula. Os professores, essas falavam para as cameras sabendo que do outro lado estavam milhares de crianças.

Afro Português Restaurante em Barking

Português, Francês, Matemática, História e Geografia e todas as outras disciplinas eram transmitidos através do monitor que ainda não conheciam as cores.

Hoje, é uma possibilidade que se considera possa voltar ao activo por via do momento que a Humanidade está a viver.

Afinal, é possível.

NOTICIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *