Palop News reforça serviços ao cliente
Monday, September 16, 2019.

Descobrimos um conjunto de serviços que as empresas que falam português no Reino Unido não estão a usufruir e que são fundamentais para o exercício de um saudável exercício comercial.

Não existem empresas sem logótipo ou, por outras palavras, sem identidade. “A minha experiência no contacto com muitos empresários ao longo dos últimos dez anos diz-me que por vezes o empresário pensa ter um logótipo quando na verdade tem apenas um desenho que não identifica a actividade – refere Alcino Francisco do Palop News para acrescentar – “Muitas vezes um cliente que tem por exemplo um restaurante encomenda um anúncio da fachada do estabelecimento ou dos espaços interiores quando na verdade o produto que a empresa vende é comida. O anúncio deve mostrar o produto que está à venda. Um hotel mostra quartos, uma imobiliária mostra os espaços, um restaurante deve mostrar comida”.

Ao mesmo tempo, as soluções apresentadas passam pela manutenção de estabelecimentos online “que permite que cada loja esteja aberta vinte e quatro horas por dia sete dias por semana” enquanto que para para outro geénero de actividades existem outras soluções.

“Há muitos erros de concepção de espaços nos estabelecimentos portugueses” – diz o arquitecto Carlos Alves. “Por vezes, basta alterar a disposição das mesas para se encontrar espaço para mais uma mesa ou duas” – refere.

Para Rui Soares Mendes, “a sinalética é o primeiro convite para o cliente entrar no estabelecimento. Se o cliente não gostar do que vê, não entra e não faz despesa” – afirma.

Para Alcino Francisco, um cartão-de-visita identifica o critério de quem o oferece. “Se for um papel fino de 80 gramas quem recebe o cartão tem o direito de se questionar se o empresário tem para o seu trabalho o mesmo critério que teve para escolher o papel do cartão-de-visita. Quem escolhe mal o cartão-de-visita provavelmente escolhe mal os seus fornecimentos e por essa via não pode ter um bom serviço ao cliente.

Já no mercado digital, as carências das empresas portuguesas no Reino Unido são apontadas como graves. “Não adianta ter um bom website se não soubermos fazer chegar a informação ao cliente. Há empresas que investem num bom website mas depois não fazem chegar essa imagem ao público que lhes interessa, nem monotorizam o que os clientes procuraram no website. Torna-se um investimento morto e sem qualquer efeito prático positivo, muitas vezes é preferivel associar outras formas de promoção, como lojas online no facebook ou no Instagram e remeter o cliente para o website, pode ter mais impacto nas vendas. Cada caso é um caso” – diz Rui Soares Mendes.

Com estes e outros argumentos, Alcino Francisco, Director do Palop News e Rui Soares Mendes criaram um protocolo de parceria para o mercado das empresas no geral mas sobretudo para as que falam Português. “Trata-se de um conjunto de serviços que o Palop News não tinha para oferecer aos seus clientes e que agora encontram mais soluções no mesmo contacto” – refere Alcino Francisco.

A partir de agora, a concepção de imagem e mesmo a estratégia de comunicação passam a contar com especialistas que têm referência no mercado.

Para o futuro, haverá mais facilidade das empresas em conseguir abrir mercados através da comunicação online. O conjunto das duas empresas, Palop News e Hexangulo, oferece aos empresários as soluções que nenhum outro meio pode oferecer em Português no Reino Unido.

Para um teste, use a palavra passe PALO para beneficiar de um atendimento exclusivo e um desconto promocional de 20% sobre os preços de tabela.

Ajudando os empresários a vender, estaremos em condições de também nós fazermos mais negócios com esse mercado. Para saber mais, contacte redacao@palopnews.com ou hexangulo@gmail.com e surpreenda-se com as soluções que temos para cada empresa.

PN/Londres

NOTICIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *