Deputado português defende comunidade em Londres
Sunday, August 19, 2018.

O deputado Paulo Pisco do Partido Socialista Português eleito pelo círculo da imigração na Europa, esteve em Londres numa visita de 4 dias com uma agenda preocupada com algumas das ambições da Comunidade Portuguesa no Reino Unido.
No ultimo dia da visita a Londres, Paulo Pisco reuniu-se com Steve Reed, Council de Lambeth para aferir do impacto que as recentes alterações legislativas possam produzir junto da comunidade.
Na saída da reunião, o político reclarou ao PaLOP News que “a reunião foi muito positiva tendo ultrapassado todas as expectativas iniciais”.
“Saio com resultados muito concretos em relação ao relacionamento futuro da Câmara de Lambeth e a comunidade portuguesa sobretudo porque foram abordadas as várias questões relacionadas com o Ensino do Português em Londres, com o caso da professora Luisa Ribeiro, com o Centro Comunitário Português e uma maior participação de portugueses no envolvimento com a Câmara a contar que no futuro possa haver a candidatura de um elemento português nas listas candidatas para o Council de Lambeth.”
O deputado que estava visívelmente satisfeito com o resultado da reunião, adiantou que “Os resultados foram extraordinariamente positivos além de terem sido abordados pontos de cooperação entre Portugal através de mim mesmo, os portugueses e a Câmara para que haja uma disponibilidade de cooperação maior em relação a coisas que são de interesse comum.”
Paulo Pisco que esteve acompanhado da Coordenadora do Ensino do Português no Reino Unido Maria José Veiga, adiantou que os compromissos ventilados neste encontro vão favorecer a comunidade portuguesa em Lambeth em várias frentes e o 
ensino do português foi das matérias que mais consensos criou.
Questionado sobre a questão prática na solução do caso Luisa Ribeiro, o deputado afirmou na questão do ensino “existem duas questões que importa distinguir.
Temos a questão do ensino do Português e que envolve todas as crianças portuguesas que estão aqui a aprender e é necessário que haja outro tipo de situação relativamente á qual a Câmara de Lambeth se disponibilizou a ajudar Portugal a aliviar o estado Português de alguns dos encargos que agora tem e isso é muito importante para uma boa funcionalidade que abrange muitas crianças e quanto ao caso da professora Luisa Ribeiro, o assunto está resolvido. Há uma integração directa da Câmara de Lambeth para que continue a fazer o seu trabalho agora por outra via mas que permite fazer o seu trabalho junto das comunidades lusófonas.”
Sobre a ajuda que a Câmara de Lambeth possa disponibilizar á Coordenação do Ensino do Português, Paulo Pisco afirmou que um dos compromissos de Lambeth passa pelo facto de a edilidade trabalhar no sentido de facilitar o suporte financeiro 
dos espaços onde as aulas decorrem. “Esse foi um dos assuntos que abordei na reunião e que a Coordenadora do Ensino Maria José Veiga também abordou e Steve Reed manifestou a sua disponibilidade para ajudar a Coordenação do Ensino do Português encontrando novos espaços que não onerem o ensino do português em Lambeth.” Paulo Pisco, foi ainda questionado sobre o CCP (Centro Comunitário Português) já que este foi um dos pontos da agenda. 
Sobre o assunto, Paulo Pisco refere que “apesar dos cortes orçamentais a gestão de Steve Reed conseguiu manter o fundo de meio milhão de libras anteriormente aprovado.”
O político português referiu ainda que sobre o mesmo CCP “há um novo impulso que pretende fazer deste projecto uma realidade tão rápido quanto possível logo que esteja identificado o local onde se possa instalar. É um trabalho que está em 
curso e o que me foi referido é que será realizado tão rápido quanto possível.”

NOTICIAS RELACIONADAS

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *