Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home Reportagens Reportagens Consulado Geral de Portugal - Mais rápido que a própria sombra

Consulado Geral de Portugal - Mais rápido que a própria sombra

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Este é o remate final de uma história recambolesca que teve o seu início em 24 de Fevereiro e termina em Julho de 2011 para conseguir o Cartão de Cidadão no Consulado Geral de Portugal em Londres. "Acontece um em cada mil" - diz-nos Macedo de Leão, Cônsul Geral de Portugal em Londres. Acreditamos que sim mas a história é a história e aqui fica contada tal como aconteceu.
O início deste relato, começa no trabalho publicado na nossa edição numero 17 e termina com o desejado Cartão de Cidadão na mão do reporter. (Ver primeira parte aqui
Um Bilhete de Identidade caducado em Dezembro de 2010, dá início ao processo de  renovação de identificação. "Já não é possível requerer um novo Bilhete de Identidade" - informa o Consulado de Portugal por e:mail - "uma vez que este foi substituido pelo Cartão de Cidadão." Cumprimos todas as formalidades e pagamos todas as taxas de urgência para uma viagem que estava agendada para 1 de Maio. Como ficou referido, estavamos a 24 de Fevereiro. Até à data da viagem, tínhamos 67 dias para obter o Cartão de Cidadão e viajar para Portugal.
A calma do Consulado Geral de Portugal perante a urgência, impressiona. A deferência que oferece ás taxas de urgência, arrepia.
Estando a viagem agendada para o dia 1 de Maio, tinhamos até 28 de Abril para resolver a questão da identificação. A 27 de Abril, escrevemos ao Consulado Geral de Portugal a alertar para a urgência. Dia 28 seria feriado devido ao casamento de William e Kate, depois seria sábado e de seguida domingo dia 1 de Maio e dia da partida. Se não ficasse resolvido até dia 28, a viagem seria perdida. Para o Consulado Geral de Portugal, o detalhe tinha passado ao lado mas na redação do PaLOP News estavamos atentos e escrevemos.
Em resposta, recebemos a informação de que poderiamos obter um Título de Viagem Única. Foi a opção escolhida. No mesmo dia, o reporter do PaLOP News vai ao Consulado Geral de Portugal em Oxford Circus e questiona a portaria sobre a obtenção do Título de Viagem Unica.
- Passe cá amanhã de manhã e resolve o problema - disseram na portaria.
Habituado ás histórias do Consulado Geral de Portugal, instalou-se o medo de não se conseguir obter o Título para viajar.
- Garantido - diz-nos o segurança.
No dia seguinte, o reporter comparece no Consulado para obter o Título de Viagem Unica. A reserva porém, para já, era outra. O referido Título serve para viajar até Portugal mas não serve para regressar a Londres.
Efectivamente, a carta PIN não tinha chegado ás mãos do reporter e pela informação do Consulado, a carta PIN tinha-se extraviado. O que não se extraviou foi a carta do Ministério das Finanças que chegou passados dois dias do início do processo (ver artigo - link á parte). Por muito que o Consulado Geral de Portugal em Londres pretenda referir o endereço errado como desculpa para o extravio, a verdade é que a carta das Finanças tinha chegado. Não havia dúvidas que o endereço estava certo.
- Talvez um vizinho que lhe queira mal - dizia-nos fonte do Consulado - tivesse "usurpado" o seu correio e retirado a carta.
- Impossível - dizia o reporter que tinha a certeza de isso ser impossível num edifício sem outros portugueses e com segurança privada onde nenhuma história existe deste ou de outro género nas relações com a vizinhança que tem moradores exclusivamente da classe A.
- A Carta PIN parece uma dessa cartas de promoções dos supermercados - disse mais tarde uma funcionária do Consulado de Portugal. - "Por vezes atiram-nas ao lixo porque a identificam com correspondência publicitária". - adianta.
Com o Título de Viagem Unica na mão, o reporter aterra em Pedras Rubras (Porto), domingo, no dia 1 de Maio. No dia seguinte pelas 9 da manhã, o reporter está na Loja do Cidadão na Avenida Fernão Magalhaes e retira a sua senha de atendimento. Espera pacientemente pela sua vez de atendimento e quando finalmente consegue explicar à funcionária o que pretende, recebe a informação que tem que ir a outro guichet de atendimento. Assim fizemos e retiramos nova senha.
Finalmente a chamada para o novo guichet depois de mais uma espera.
- Lamento mas o que pretende não pode ser tratado aqui - revela. Neste momento estamos prestes a explodir e a espalhar os restos da nossa paciência pelas paredes.
- "Aqui a única coisa que podemos fazer é pedir uma segunda via da Carta PIN - diz a funcionária.
Pedimos a segunda via e cumprimos as instruções. Fomos aos Serviços Centrais de Identificação na Rua Alferes Malheiro do outro lado da cidade. Dito o que pretendemos, o reporter foi atendido e para sua surpresa, não teve que esperar mais que cinco minutos por um novo Bilhete de Identidade com a validade de 90 dias. Agora, já seria possível voltar a Londres e aguardar que o pedido de 2ª via fosse cumprido.
Puro engano.
Vencidos todos os prazos, contactamos o Consulado de Portugal por e:mail na expectativa de poder haver notícias. O call centre do Consulado de Portugal mostrou-se exímio no envio de respostas descartáveis e repetidas, vulgarmente conhecidas por "chapa 5". Em cada e:mail, uma explicação ilegível e a informação de que podemos sempre recorrer ao pagamento de taxas de urgência para obter o Cartão de Cidadão. O reporter perde as "estribeiras" e na resposta pergunta o que falta pagar? A resposta, foi muda. Sempre pronto a facturar este Ministério que anda nas "lonas" com a questão da Troika que ainda não tinha chegado mas já se tinha anunciado nos corredores esclusivos da Administração Pública.
Perante a insistência do reporter, o Consulado Geral de Portugal em Londres requer a visita ás instalações. Estavamos na nossa sétima deslocação e o reporter dava graças por viver em Londres e não estar a faltar ao emprego enquanto pensava nos milhares de pessoas a quem, no Reino Unido, esta história podia ter acontecido. Cumprimos e fomos de novo ao Consulado Geral de Portugal. A solução, seria pedir uma terceira via.
Na entrada, demos pela falta da funcionária na recepção que na visita anterior nos tinha recusado o Livro de Reclamações. Perguntamos pela funcionária e fomos informados de pronto.
- Já cá não trabalha - diz-nos o funcionário da caixa.
- Onde posso então pedir o Livro de Reclamações - insistimos.
- Eu mesmo lho dou - diz o funcionário da caixa enquanto estende o livro pela saída de vidro do guichet.
O reporter retira-se com o livro, preenche a reclamação e devolve o livro recebendo a cópia da reclamação nº A16. A nós, que conhecemos as histórias do Consulado Geral de Portugal, fica-nos a suspeita de haver apenas reclamações até ao numero A (primeira letra) nº 16. É curto para tantas histórias mas o objectivo não era esse.
Na reclamação, o facto da demora para obter o Cartão de Cidadão e a escassez de funcionários. Mais tarde, recebemos uma carta assinada pelo própio Cônsul Geral a congratular-se pelo facto de a Carta PIN já estar na mão do reporter e que a questão da escassez de funcionários foi enviada para a Tutela. Neste caso, o Ministério dos Negócios Estrangeiros.
Voltamos à questão da terceira via.
- Não pode - diz um dos funcionários - Tem que iniciar o processo de novo. O sistema não permite uma terceira via.
Estavamos conformados mas não estavamos informados. Insistimos numa outra funcionária do Consulado.
- De facto não pode pedir uma terceira via mas pode pedir uma segunda via da..., 2ª via. Para quem procura esclarecimento, estava instalada a confusão. Pedimos então a terceira (segunda) via da segunda via. Perceberam?
Pedida a segunda via da 2ª via (terceira via), descemos ao rés-do-chão para sair. Restava aguardar que a Carta PIN desse à "costa" e foi o que aconteceu em julho.
A odisseia estava cumprida vinte semanas e dezenas de email's depois.
 

Comentários  

 
0 #14 Ana 25-01-2017 11:29
4 meses de espera para solicitar a renovacao do cartao do cidadao. Como caduca entretanto e tenho viagem marcada mandaram me ir renovar o mesmo a Portugal. Isto e que eu chamo servico de excelencia. So acontece 1 em cada mil!? E melhor ir jogar na lotaria!
Citar
 
 
+1 #13 Andre Esteves 03-06-2015 20:47
Boa noite,

Acabei de vir do consulado em Manchester com o motivo de uma autorização para o meu bebe ir a Portugal e ai fazer o registo. Tive la desde as 11h sai as 17h e quando fui atendido foram bastante malcriados para a minha esposa e acabaram por dizer que não o podiam fazer. O mais engraçado e que liguei para o registo civil em Portugal e disseram-me que as embaixadas o podem fazer. Onde fico eu no meio de isto tudo? No Reino Unido a espera de ajuda para voltar a Portugal.
Citar
 
 
+1 #12 Maria da Graca Basto 22-01-2015 16:48
"Mais rapido que a propria Sombra", a f* os portugueses no estrangeiro, onde quer que eles se encontrem!
Uma Portuguersa nascida em Mocambique, que sabe muito bem o que diz e o que quer!
''' e COM provas do que afirma!
Maria da Graca de Magalhaes Basto
Citar
 
 
+1 #11 Maria da Graca Basto 22-01-2015 16:40
Saga de Fevereiro a Julho e "brincadeira"! A minha foi desde Novembro 2009 ate Maio 2014. O meu numero de telefone e o 0044 7752144564.
Nao explico tudo aqui, porque foram cinco (5 anos) de sofrimento, ameacas, fome e falta de trabalho!
Se acrescentarmos os problemas desde 2004, entao esta claro a qualquer um que o Consulado NUNCA serviu o cidadao portugues em Londres!
Citar
 
 
+1 #10 ana casquilho 14-10-2014 20:26
ASSINEM A PETICAO!

http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=P2010N1995
Citar
 
 
+2 #9 Marcia 20-05-2014 12:36
boa tarde sou portuguesa . tenho uma duvida vou a tribunal terça feira e o meu BI caduca esta quinta feira posso ter problemas por levar o BI caducado????? obrigada
Citar
 
 
0 #8 webdesign diensten 04-05-2014 12:08
hey there and thank you for your info – I've definitely picked up something new
from right here. I did however expertise a few
technical issues using this web site, as I experienced to reload
the website a lot of times previous to I could get it to load properly.
I had been wondering if your web hosting is OK?

Not that I'm complaining, but sluggish loading instances times will sometimes affect your placement in google and can
damage your high-quality score if advertising and marketing with Adwords.
Well I am adding this RSS to my email and could look out
for much more of your respective exciting content.
Make sure you update this again very soon.
Citar
 
 
+4 #7 lilian 19-02-2013 19:16
Boa tarde, estou a mais de um mes tentando fazer um agendamento para transcricao do meu casamento e simplesmente nao consigo sequer agendar no site do consulado , ja que o atendimento somente sera feito apos o agendamento e taxas pagas juntamente com todos os documentos corretamente juntado! Bom ...a agenda nao funciona nao existe uma data que seja ao menos pra frentemas infelismente nao consigo ...o que faco entao ...ligo pro consulado e apos estar duas horas ou mais esperando um atendimento consigo uma informacao muito importante que eh para eu entrar no site seg/qua/sex entre 08 hs ate 12hs beleza vou fazer isso!!! Ate hj nao consegui nada alem do estresse elevado muita dor de cabeca e solucao nenhuma do problema! E uma brinacadeira
Citar
 
 
+1 #6 Alcino Francisco 28-07-2012 11:07
Citando tania:
gostava que me podessem ajudar a falar com o tribunal em portugal

Recomendamos que para isso se possa aconselhar por um advogado. Citando tania:
gostava que me podessem ajudar a falar com o tribunal em portugal
Citar
 
 
+1 #5 tania 27-07-2012 14:01
gostava que me podessem ajudar a falar com o tribunal em portugal
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Actualizar


Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery