Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home Notícias gerais
Notícias gerais

Centro comunitário em Londres parceiro do projeto Escolhas no Reino Unido

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O Programa Escolhas "chega na altura certa" ao Reino Unido para ajudar o crescente número de crianças e famílias portuguesas, afirmou a diretora do Centro comunitário de Apoio à Comunidade Lusófona em Londres.
"É uma mais-valia para as famílias portuguesas e para os jovens em particular, que foram afetados pelo corte das verbas [do governo britânico] para projetos sociais e clubes juvenis", disse Fernanda Correia à agência Lusa. 
Por outro lado, acrescentou, muitas crianças e jovens portugueses e lusodescendentes não
 

Calças de ganga e os custos da liberdade

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Um exemplo de efeitos da globalização
As calças de ganga tornaram-se em símbolo de liberdade.
0,8% da produção mundial de algodão para calças de ganga provém de agricultura biológica.
Uma costureira de calças de ganga ganha em Bangladesch 65 euros por mês (antes da catástrofe em 2014 ganhava 37 euros por mês).
75% do preço de umas calças de ganga são para os  revendedores (retalhista dois terços) e para a empresa de marca (um terço).
24% são para material e transporte
1% são custos do trabalho. Por umas calças que custam 49 euros a trabalhadeira recebe 0,49 €
Para a produção de umas calças de ganga (plantação de algodão e acabamento com produtos químicos) são precisos 8.000 litros de água. Só para o branqueamento de umas calças de ganga com cloro são utilizados 60 litros de água (para comparação, um alemão utiliza 128 litros de água por dia). No tratamento de umas calças de ganga
 

Trabalhistas vão apoiar proposta de Cameron para referendo sobre a UE - Sunday Times

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A oposição trabalhista no Reino Unido vai apoiar a proposta do primeiro-ministro David Cameron para um referendo sobre a União Europeia, apelando ao voto na permanência na UE, revela o jornal Sunday Times.
"O povo britânico quer expressar-se sobre a adesão da Grã-Bretanha à União Europeia (...), portanto, o Labour apoiará o referendo agora", disse a responsável do partido, Harriet Harman e ainda o porta-voz para os Negócios Estrangeiros, Hilary Benn, citados pelo semanário. 
"O Partido Trabalhista não quer a Grã-Bretanha fora da União Europeia acidentalmente. Faremos campanha para a nossa manutenção
 

Prémio da COTEC Portugal vai para empresário da área do comércio on line de artigos de luxo

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O vencedor do prémio “Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa” da COTEC Portugal é o empresário José Neves, fundador da Farfetch - o segundo maior site de compras online de artigos de luxo -, que recebeu o galardão em Lisboa. 
 “É uma honra muito grande. Penso que, apesar de ser um prémio individual, eu sinto-o como um prémio de equipa, porque é realmente o resultado do esforço de muita gente que trabalha na Farfetch que tornou o site da empresa possível”, disse à Lusa José Neves.  
O galardão tem como objetivo premiar e divulgar cidadãos portugueses que se tenham distinguido pelo seu papel empreendedor, inovador e responsável no contexto das sociedades de acolhimento
 

Exportações de mobiliário português para o Reino Unido subiram 600% em quatro anos

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O mercado britânico foi o que mais cresceu para as empresas portuguesas de mobiliário, tendo as exportações crescido mais de 600% em quatro anos, segundo a Associação de Indústrias de Madeira e Mobiliário de Portugal (AIMMP).
Em 2010, a exportações para o Reino Unido ficavam aquém dos 10 milhões de euros, mas em 2014 superaram os 74 milhões de euros, adiantou à agência Lusa a diretora do departamento de Operações e Projetos da AIMMP, Joana Nunes.
"Para tal, muito contribuiu o esforço acrescido de promoção neste mercado, pelas empresas, mas também o surgimento de empresas de gente nova, com ‘design’ muito bom e com padrões de qualidade
 

Condições de voto dos portugueses no estrangeiro pioraram, diz politólogo

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
As condições de voto dos portugueses residentes no estrangeiro têm piorado nos últimos anos, afirmou o politólogo André Freire, que defendeu uma modernização do sistema e a introdução do voto eletrónico. 
"Não basta ter um direito, é preciso ter condições para o exercício do mesmo. Agora, com a crise e a redução do número de consulados, isso dificulta o direito de voto, sobretudo na forma como está organizado, que obriga a que seja presencial nas eleições presidenciais e que as pessoas tenham de
 

António Costa quer liberdade de circulação no espaço lusófono

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O secretário-geral do PS definiu como projeto cimeiro a existência de liberdade de circulação no espaço lusófono, num discurso em que considerou a luta contra a ditadura irmã da libertação e independência dos países africanos.
António Costa falava no início de um almoço com embaixadores dos países de expressão portuguesa na sede nacional do PS, em Lisboa, que se destinou a assinalar os 40 anos do início do
 

Em Londres, aconteceu Portugal

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O Dia de Portugal em Londres aconteceu em Stretham, a Sul de cidade e reuniu mais de 10 mil visitantes.
A grande vitória desta Organização, reside no facto de ter sido vencida a barreira psicológica da entrada paga. Durante anos, falou-se desta inovação mas nunca uma Organização anterior teve a inicitiva de a introduzir como forma de financiamento do evento.
Presentes, diversas empresas que lotaram o espaço de cores, aromas e música num recinto que ofereceu boas condições. O tempo, com pequenos chuviscos na parte da manhã, haveria de se revelar
 

Livraria virtual criada no Reino Unido por mãe que quer ler à filha livros em português

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF





















A frustração com a falta de acesso a livros infantis em língua portuguesa para ler à filha levou Carla Cruz, instalada em Londres há seis anos, a criar a Miúda, uma livraria virtual. 
O projeto, contou à agência Lusa, nasceu da "luta quotidiana para manter ativo o português" da filha de dois anos e meio, que vive num ambiente trilingue: nasceu no Reino Unido e tem um pai de nacionalidade suíça.
Para Carla Cruz, "os livros são essenciais" para manter a ligação à língua e cultura portuguesa, mas deparou-se com a dificuldade de encontrar obras atuais na capital britânica ou de os
 

Dia de Portugal 39 anos de história

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Foi quando a Comunidade Portuguesa ainda era diminuta e se registavam ainda poucos portugueses a viver em Londres que aconteceu o primeiro Dia de Portugal UK. A informação mais antiga que conseguimos apurar, relata o ano de 1976 como tendo sido a edição nº 1 o que na prática significa 39 anos de actividade.
Na época, o movimento associativo, era ainda uma referência que unia as pessoas em torno do objectivo do convívio entre os portugueses ainda recentemente imigrados em Londres.
Rezam as histórias mais antigas, que o embrião do evento, terá nascido de um primeiro convívio realizado num hotel. Perante a adesão ao evento, os líderes associativos pela batuta do Vice-Cônsul Adjunto José Amador, decidiram passar o evento para
 


Página 19 de 21

Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery