Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home Notícias gerais Notícias gerais
Notícias gerais

China / Hong Kong: Libertem os escritores que "despareceram"

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Detenção arbitrária que prejudica a liberdade de expressão em Hong Kong e, mais ainda
As autoridades chinesas devem libertar imediatamente os cinco escritores que o governo fez "desaparecer" à força. Disse a Human Rights Watch. Os cinco escritores são filiados da poderosa mídia actual com base em Hong Kong, conhecida por publicar livros críticos sobre altos dirigentes chineses.
"O governo chinês deve libertar imediatamente os cinco escritores que sequestrou" e que "desapareceram sob o disfarce da Lei", disse Sophie Richardson, directora da Human Rights Watch da China. "  "As ações de Pequim são um ataque desajeitado que visa a liberdade de expressão em
 

Três artistas portugueses expõem em conjunto em Londres

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Três artistas "emergentes" portugueses expôem em conjunto desde 05 de Fevereiro e até 20 de março na galeria The Dot Project, em Londres.
A exposição coletiva de Pedro Matos, Paulo Arraiano e Ricardo Passaporte chama-se "Down to Earth" e junta, segundo o texto de apresentação, três artistas cuja "individualidade e abordagem amplia as fronteiras da arte abstrata, explorando em paralelo a sua história nacional".
O curador da exposição, Kwaku Boateng, considera que os três artistas portugueses "estão unidos na análise das
 

Yahoo conivente com a matança de elefantes

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
O negócio da venda ilegal de Marfim em África floresce, enquanto que as vítimas que fornecem a matéria prima, enfrentam a inevitável extinção. A demanda dos consumidores leva à morte diária de 100 elefantes e enquanto que Google e Amazon já abandonaram esta prática,  a Yahoo não o fez e fomenta a venda de marfim através da sua filial no Japão. . 
O mercado do marfim está em alta e a venda online cresceu de 2 milhões de dólares em 2010 para 7 milhões em 2014. A ONU num relatório publicado a 24 de Março de 2015, relata com muita preocupação a
 

Opinião pública Britânica dividida

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A opinião pública Britânica está divida entre dizer sim ou não à Europa. Numa sondagem efectuada esta semana e citada a pela agência Reuters, 42% dos Britânicos dizem "sim" à saída do Reino Unido da União Europeia e 38% manifestam vontade de permanecer na Europa contudo, a percentagem dos que dizem "sim" à permanência, desceu 3 pontos percentuais desde Dezembro passado sendo que falta ainda mais de 1 ano para o referendo prometido por David Cameron sobre esta questão e que apenas foi prometido para apaziguar a ala mais conservadora do Parlamento Britânico.
De acordo com um estudo publicado pelo Guardian, os cidadãos Europeus que vivem no R.U. e com medo que este deixe de
 

Combata os Abusos Cometidos pela Polícia e nas Prisões

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Agressores Devem ser Responsabilizados
O Brasil precisa garantir que os responsáveis por execuções extrajudiciais e tortura sejam de fato responsabilizados, além de tomar medidas mais efetivas para aliviar as condições desumanas que imperam em suas prisões superlotadas, declarou hoje a Human Rights Watch no lançamento de seu Relatório Mundial 2016.
"As prisões do Brasil permanecem um verdadeiro desastre do ponto de vista dos direitos humanos", disse Maria Laura Canineu, diretora do escritório Brasil da Human Rights Watch. "E o número de mortes causadas pela polícia continua extremamente alto".
No Rio de Janeiro, em 2015, 644 pessoas foram mortas nas mãos da polícia em serviço – um aumento de 10 por cento em
 

Relatório Mundial 2016: A ‘Política do Medo’ Ameaça Direitos

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Ataques terroristas, crise dos refugiados e ampla repressão global  
(Istambul, 27 de janeiro de 2016) – A política do medo levou governos de todo o mundo a reduzirem as proteções aos direitos humanos em 2015, declarou a Human Rights Watch em seu Relatório Mundial 2016, publicado hoje.
No Relatório Mundial 2016, que conta com 659 páginas em sua 26ª edição, a Human Rights Watch avalia práticas de direitos humanos em mais de 90 países. Em seu capítulo introdutório, o Diretor Executivo Kenneth Roth descreve como a disseminação dos ataques terroristas para além dos limites do Oriente Médio e os enormes fluxos de refugiados causados por
 

Portugal regista aumento de pedidos de asilo de menores não acompanhados

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A presidente do Conselho Português dos Refugiados (CPR) considerou “muito grave” o desaparecimento de mais de 10 mil crianças migrantes na Europa e adiantou que Portugal tem recebido muitos pedidos de asilo de menores não acompanhados.
“Em Portugal, temos tido ultimamente um aumento de pedidos de asilo de menores não acompanhados, o que significa que estas crianças estão a fugir dos seus países e a chegar à Europa em condições muito precárias e em situações muito vulneráveis”, disse à agência Lusa Teresa Tito Morais.
A responsável, que falava à Lusa a propósito dos dados da agência de polícia europeia (Interpol) que indicam que mais de dez mil crianças acompanhadas desapareceram na Europa entre 18 e 24 de dezembro passado, adiantou que, em 2015, Portugal recebeu 50 pedidos de asilo de
 

Reconstrução de Lisboa após terramoto de 1755 em exposição de arquitetura em Londres

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A reconstrução de Lisboa após o terramoto de 1755, pelo Marquês de Pombal, é um dos exemplos abordados numa exposição que abriu hoje, em Londres, sobre soluções arquiteturais e a reabilitação de zonas afetadas por catástrofes.
"Criação da Catástrofe: Como a arquitetura reconstrói comunidades" é organizada pelo Instituto Real dos Arquitetos Britânicos (RIBA na sigla em inglês), instituição equivalente a uma ordem dos arquitetos do Reino Unido, e coincide com o 350.º aniversário do Grande Incêndio de Londres, em 1666.
A exposição faz uma retrospetiva histórica desde o século XVII até ao presente, apresentando plantas e planos de
 

Vírus Zika está a gerar pânico.

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
As mulheres em gestação ou em período fértil estão de sobreaviso sem saberem se conseguem evitar serem contagiadas. A OMS (Organização Mundial de Saúde), mostra-se muito preocupada pela forma "explosiva" em como este vírus se está a espalhar pelo Mundo, com mais incidência nas Américas (sul e Central).
No Reino Unido, 3 pessoas foram diagnosticadas com o vírus aquando do seu regresso dos seguintes países: Colômbia, Suriname e Guiana, países estes, em que o surto de zika está em força . "Aedes Aegypti" é o mosquito responsável pela transmissão do Zika e com objectivo de evitar o pânico no Reino Unido, o Ministério de Saúde Pública Inglês explica que o
 

Deputados agredidos e ameaçados na rua

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Num estudo publicado no  "Journal of Forensic Psychiatry and Psychology", dezenas de deputados do Parlamento Inglês, afirmam já terem sido ameaçados e agredidos fisicamente por eleitores na rua. Este Estudo afirma ainda que existem pelo menos, mais 100 deputados que receberam mensagens ameaçadoras.
239 políticos responderam a este inquérito e 80% deles afirmam terem já sido vítimas de comportamentos agressivos e abusivos.
Um deputado disse ter sido repetidamente agredido a soco no rosto enquanto outro deputado conta que outro constituinte puxou de uma faca para usar contra ele.
Há mais relatos de incidentes violentos contra
 


Página 10 de 16

Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery