Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home Notícias gerais Notícias gerais
Notícias gerais

Livre circulação vai continuar igual no Pós-Brexit

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Theresa May numa visita oficial à Jordânia e Arábia Saudita, defende que a livre circulação poderá continuar após o Brexit sem contudo retirar ao governo britânico, os poderes de controlar as suas fronteiras. A Primeira Ministra defende ainda que deverá haver uma fase de "implementação" do acordo assim que se concluam as negociações com Bruxelas para que, tanto empresas como os vários governos, tenham um período de tempo para se ajustarem às novas regras de movimentação.

O Governo Conservador, o mesmo partido da Primeira Ministra, insiste que o processo de saída da União Europeia que começou a ser negociado formalmente há uma semana, irá devolver ao
 

Europa responde ao Reino Unido

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Foi hoje Sexta Feira dia 31 de Março de 2017 que num documento composto por oito páginas Donald Tusk Presidente do Conselho Europeu, apresenta uma contra-proposta a Theresa May. 
O processo de saída terá de ficar concluído até Março de 2019.

Para que as negociações dêem início, Donald Tusk não abdica de alguns pontos cruciais que defendem os Direitos dos Europeus a viver no Reino Unido e apresenta o documento aos representantes dos 27 Estados Membros do Bloco Europeu. O processo de divórcio com o R.U. é entendido como sendo complexo até porque é inédito na História do Projecto Europeu que acabou de fazer 60 anos.

Segundo a BBC, O Conselho Europeu queria ter publicado no seu site oficial as directrizes do processo de saída assim que o
 

A (re)construção da figura do emigrante

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
No início do mês de Março, a jornalista Ana Cristina Pereira, que ao longo da carreira se tem debruçado sobre a temática das migrações, e que inclusive no ano passado escreveu o livro "Movimento Perpétuo: História das Migrações Portuguesas", assinou no jornal Público um artigo de referência sobre “A (re)construção da figura do emigrante”.   
Procurando responder às perguntas: “Como é que os portugueses residentes em Portugal encaram os portugueses residentes no estrangeiro?”, “Os portugueses residentes no estrangeiro sentem-se apreciados ou depreciados pelos residentes em Portugal?”, “Há um modo de olhar os velhos emigrantes e outro de olhar os novos?” e “ Algo mudou desde que
 

Atentados em Londres

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
No seguimento dos atentados de ontem dia 22/03/2017 em Londres, sete pessoas foram detidas na sequência de várias rusgas policiais, algumas horas depois dos acontecimentos trágicos que mudaram a vida desta cidade: "Levámos a cabo buscas em seis moradas e fizemos sete detenções", palavras de Mark Rowley em frente à sede da Scotland Yard, numa declaração à imprensa. Afirma ainda que a operação policial ainda está em curso e inclui, além de Londres, Birmingham e outras zonas não especificadas.

Este ataque violento acontece quando um homem ao volante de uma viatura ligeira a alta velocidade atropelou
 

Paula Rego "expõe" a Depressão

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A pintora Paula Rego espera sensibilizar os visitantes da exposição das suas obras em Londres, para a doença que descreve como sendo horrível, a Depressão. Doença da qual sofreu e da qual resultaram as obras expostas em Londres a partir de 14 de Março de 2017, na galeria Marlborough Fine Art e que dá pelo nome de "Depression Series" (Série da Depressão) e que decorre em simultâneo com um documentário sobre a vida da pintora, realizado pelo seu filho Nick Willing.

Esta exposição é composta por onze quadros de pastel em papel, pintados no período em que a artista atravessou um período de Depressão (2006 e 2007), há cerca de uma década que
 

Angola - Polícia agride manifestantes pacíficos, usando cães

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Investigar o uso desnecessário e excessivo de força
(Joanesburgo) – O governo angolano deve investigar com urgência e de forma imparcial, o uso de força por parte da polícia para dispersar uma manifestação pacífica na capital, Luanda, anunciou a Human Rights Watch. A polícia agrediu activistas com bastões e feriu pelo menos quatro manifestantes com cães policiais.

"As autoridades angolanas estão a responder a protestos pacíficos com bastões e cães policiais," revelou Daniel Bekele, director sénior de advocacia para África da Human Rights Watch. "É fundamental que o governo investigue a repressão policial de que os manifestantes foram alvo e chame os responsáveis a prestar contas."

No dia 24 de Fevereiro de 2017, cerca de 15 pessoas reuniram-se por volta das 14:00 no Largo Primeiro de Maio para pedir a
 

Activação do artigo 50, autorizada

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
A 13 de Março de 2017, o parlamento britânico aprovou a proposta de lei que autoriza accionar o artigo 50 para que o Reino Unido comece o seu processo de saída da Europa dos 28. Isto acontece após a derrota na votação de duas alterações à lei, pedidas pela Câmara dos Lordes.

Estas alterações queriam que o Governo assumisse um compromisso que assegurasse as garantias dos cidadãos europeus residentes no R.U. bem como, escrutinar o acordo resultante das negociações com Bruxelas, sobre o relacionamento pós-Brexit com
 

O bruxo do Brexit

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Depois do discurso de Theresa May sobre o Artigo 50 e a saída de Inglaterra da União Europeia, instalaram-se mais dúvidas do que esclarecimentos sobre aquilo que pode acontecer com os migrantes portugueses aqui residentes. De que forma podem os ingleses importunar
 

Quando unidos somos mais

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Isaac Bígio, é o peruano a quem a Comunidade Portuguesa não consegue ficar indiferente. Amado por uns, odiado por outros, quase sempre aproveitado por líderes da Comunidade Portuguesa em Londres, persegue o seu projecto de unir duas comunidades que estando distantes, parecem ter tudo para serem vitoriosas. "Os falantes de Português e Espanhol, são a maior minoria étnica (sem necessidade de tradutor para nos entendermos) em toda a Londres" - diz este antigo Professor de Ciências Políticas e Económicas ao Palop News e a todos quantos com ele se cruzam ao longo dos anos.

Antes dos Jogos Olímpicos de Londres Bígio sismou e bem, que a Língua Portuguesa deveria estar
 

Theresa May dixit

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Decorreu na Lancaster House o discurso de Theresa May sobre a saída de Inglaterra da União Europeia e que leva à discussão a questão dos imigrantes europeus poderem, ou não permanecer no território e em que condições. Para já, sabemos que existem 12 pontos essenciais para serem negociados neste divórcio que se vai iniciar com o Artigo 50 do Tratado de Lisboa.

“Vamos controlar o número de pessoas que venham da Europa para fixar residência no Reino Unido” – afirmou a Primeira-Ministra no seu discurso. Pelas suas palavras, ficou no ar a
 


Página 8 de 21

Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery