Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home Notícias gerais Notícias gerais Aljubarrota em modo Croquet

Aljubarrota em modo Croquet

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Croquet espanhol invade Portugal ao arrepio da Federação Portuguesa.
As federações de Portugal e Espanha de Croquet estão em rota de colisão, sem que a Federação Mundial sediada no Reino Unido assuma uma posição coerente com a legislação nacional e internacional no que se refere ao desporto que desponta em Portugal. Em causa, poderá estar a alegada usurpação por parte de organismos de Espanha, cuja legitimidade ainda não conseguimos confirmar que terão organizado competições em Portugal ao arrepio da chancela da Federação Portuguesa de Croquet. Em, termos desportivos, é suposto que instituições ou pessoas ligadas de alguma forma a essas instituições de Espanha, podem estar a usurpar a fronteira física desportiva portuguesa. "Se fosse no futebol, poderíamos estar perante um escândalo de dimensão Mundial" - diz a Federação Portuguesa de Croquet em comunicado..

A correspondência trocada entre os protagonistas deste caso, apontam para um conjunto de comunicações que uns dizem ter sido efectuada, porém, outros negam que tal tenha acontecido havendo mesmo a ameaça de expulsão da Federação Portuguesa da Federação Mundial, assunto que estamos a tentar entender. Os emails enviados a diversos responsáveis europeus e mundiais, estão sem resposta quando publicamos este artigo. 
Na documentação em nosso poder, encontramos conexões que podem alegadamente levar a supor um complô contra Portugal. As autoridades desportivas nacionais, europeias e mesmo mundiais, estão a ser convidadas a que se pronunciem sobre o assunto esperando nos que em breve possam surgir novas respostas. 
No plano internacional, o croquet acaba por ser de alguma forma "assimilado" por outras modalidades desportivas como o Bowling, Ténis, Squash e o Golfe para citar apenas alguns exemplos. A malha de comunicações que temos em nosso poder, ameaça mesmo a expulsão da Federação Portuguesa da Federação Mundial, onde Portugal figura como Membro Observador sendo porém a única instituição oficialmente registada em Portugal com autoridade sobre esta modalidade desportiva. 
Pelo meio, acusações de mentiras e falsidades proferidas por dirigentes influentes no panorama nacional, europeu e mundial, deixam perceber um clima de litígio e confronto que iremos continuar a apurar. O que parece certo, é que haja em Espanha quem usurpe o território de Portugal para organizar competições ao arrepio da única autoridade deste desporto registada em Portugal. Fonte próxima da Federação Portuguesa de Croquet, refere ainda dúvidas sobre a legitimidade de algumas referências espanholas que podem alegadamente não estar registadas de forma oficial junto das autoridades desportivas daquele País e das autoridades desportivas mundiais. Um imbróglio que promete continuar a transpirar. 

Por perceber, fica ainda o facto de a Federação de Portugal ter um estatuto de observador sem direito a eleger e a ser eleito como se a Federação Mundial fosse uma "coutada" onde só entra quem é legitimado por regulamentos que aparentemente são muito distintos das regras internacionais que regem outros desportos de maior relevância mundial. Estará o Croquet a ser condenado por se tratar de uma modalidade com menor visibilidade? Ou o elitismo que antes caracterizou o Ténis e o Golfe (por exemplo) como desportos elitistas, está ainda na alçada de "deuses" que entendem dominar o território através do desporto? Perguntas cujas respostas vamos tentar conhecer. 
Por apurar, está ainda saber quais as federações que estão registadas nos respectivos países e ao mesmo tempo nos organismos internacionais, bem como saber sobre os registos junto da União Europeia e das instituições mundiais e a sua legitimidade através de registos oficiais. Ao Palop News, foi garantido que os clubes nacionais e a própria Federação estão registadas junto das autoridades nacionais pelo que não se entenderá como é possível que a Federação Mundial possa escamotear a possibilidade de eliminar a Federação de um País sem que isso seja fundamentado na luz das regras internacionais e sem recurso a um Tribunal de dimensão Internacional. 
Por perceber, fica também o fato de haver instituições de Espanha, oficiais ou não, registadas ou não, que podem organizar competições em Portugal sem que para isso tenham a "bênção" da Federação de Portugal a fazer lembrar célebres histórias das cagarras nas Ilhas Desertas da Madeira, no que toca a Portugal, ou Gibraltar no que toca ao Reino Unido. 
Para a análise futura, pode ficar o facto de ter havido violação da Lei de Portugal, ao serem organizados eventos desportivos em território nacional com pontuação internacional sem que para isso tenha sido solicitada autorização da autoridade portuguesa, neste caso, a Federação Portuguesa de Croquet, o que pode constituir uma ilegalidade e é neste contexto que a Federação Portuguesa de Croquet assume publicamente um caso de violação da Lei e de descriminação numa "guerra" em que aparentemente ninguém terá divulgado o mais simples, como os estatutos e regulamentos. O que pode dizer um tribunal Europeu sobre isto? Apenas mais uma questão que fica a navegar neste emaranhado de acusações ainda por esclarecer mas que iremos continuar a tentar desvendar. 

Na prática, a Federação(?) de Espanha acusa a Federação de Portugal de não cumprir exactamente aquilo que não cumpre na apresentação dos documentos que deveriam legalmente legitimar os parceiros dos organismos Europeu e Mundial como refere a Federação de Portugal ao Palop News. 
Ao que tudo indica, a Federação Mundial exige um pedido de desculpas á Federação de Portugal por ter havido pessoas e/ou instituições que comprovadamente organizaram competições em Portugal sem que as autoridades portuguesas da modalidade tenham sido notificadas. 
Haverá cenas dos próximos capítulos.
PN  

Data 4/10/17


 

Comentar


Código de segurança
Actualizar


Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery